LiteraTamy

Tópicos recentes


Categorias


Meta


LiteraTamy

Resenhas

Textos sobre livros que li.

FADAS E COPOS NO CANTO DA CASA

Bianca é uma moça de vinte anos que narra, numa espécie de diário, o cotidiano do bordel em que vive na condição de prostituta. A primeira página de Fadas e copos no canto da casa (Quintal Edições, 2017) escancara o peso das raízes que prendem a protagonista ao solo tóxico das memórias familiares, responsáveis por guiá-la à solitária [...]

Tamy GhannamTamy Ghannam

TRAVESSURAS DA MINHA MENINA MÁ

Inspirada na icônica obra do escritor peruano Mario Vargas Llosa, a trilogia brasileira Travessuras da minha menina má é uma narrativa em primeira pessoa que descreve a passagem de sessenta e nove anos da história do protagonista Victor, em cujo caminho surge a chilenita Maria Eduarda, dotando de valor a trajetória de um indivíduo em [...]

Tamy GhannamTamy Ghannam

AS MENINAS

A literatura de Lygia Fagundes Telles é pautada pelo realismo intimista, em que o senso de realidade é norteado por acontecimentos, visões e modos de narrar ofertados por sujeitos particulares. Nesse sentido, a narrativa polifônica de As meninas (1973) é o modelo de excelência para comprovar essa afirmação, na medida em que nela tanto o [...]

Tamy GhannamTamy Ghannam

A CASA DAS BELAS ADORMECIDAS

A narrativa de A casa das belas adormecidas (1961), traduzida diretamente do japonês por Meiko Shimon, começa in media res, descrevendo a chegada de um homem velho a uma suposta hospedaria, que, no entanto, não parece uma hospedaria convencional, dada a recomendação da mulher responsável por cuidar do local: “Não faça nenhuma brincadeira [...]

Tamy GhannamTamy Ghannam

AS BRUXAS DO LAGO LÉMAN

Serendipidade: a faculdade ou o ato de descobrir algo agradável por acaso; algo descoberto fortuitamente. É justamente sobre essas descobertas afortunadas feitas sem querer que edifica-se e desenvolve-se o romance As bruxas do lago Léman. A narrativa lacustre de Flávio Dias gira em torno de dois lagos principais: Léman, na Suíça – região [...]

Tamy GhannamTamy Ghannam

UMA VIDA PEQUENA

Em Uma vida pequena, Hanya Yanagihara descreve a vida de quatro amigos, desde o momento em que se conhecem durante a graduação, em Massachusetts, até quando mudam-se para Nova York, anos depois. São décadas acompanhando o pintor e artista plástico JB, o arquiteto Malcolm, o ator Willem e o advogado Jude, todos em busca de destaque na [...]

Tamy GhannamTamy Ghannam

Meias Verdades

“O mundo cognoscível é incompleto se visto de um só ponto de vista, incoerente, se visto de todos os pontos de vista de uma vez, e vazio, se visto de nenhum em particular”. A frase acima, de Richard Schweder, é a epígrafe de Meias verdades e sintetiza precisamente aquilo que o livro se dispõe a fazer: demonstrar a relatividade da [...]

Tamy GhannamTamy Ghannam

Verão no Aquário

Narrado em primeira pessoa, Verão no aquário traz como protagonista a jovem Raíza, cujo nome sugere o enraizamento profundo que a confina, atada ao passado através das lembranças vivazes de seu convívio familiar. Gestando o caráter da personagem, consta como uma característica inerente de sua personalidade a relação conflituosa que ela [...]

Tamy GhannamTamy Ghannam

Andarilhos

No sul do Brasil, em meados do século XX, introduz-se a aparentemente despretensiosa narrativa de Andarilhos. Através dos passos de Pedro Guarany, um domador de cavalos que aprendeu seu ofício com o pai índio e agora segue em busca de trabalhos temporários nas estâncias gaúchas, penetramos nos pampas sulistas, descobrimos traços de [...]

Tamy GhannamTamy Ghannam

Viva a música!

“A música é o trabalho de um espírito generoso que (com esforço ou não) reúne nossas forças primitivas e nos oferece-as de volta, não para que possamos recuperá-las: para que conste que elas ainda estão por aí, as pobrezinhas, e que sentem a nossa falta. Eu sou a fragmentação. A música é cada um desses pedacinhos que antes tive em [...]

Tamy GhannamTamy Ghannam